top of page

BECO DOS POETAS Nº 31 — 13/10/2022

Grandes textos, grandes poesias! Leiam, comentem, compartilhem!


Luiz Primati

Foto de Pixabay: Foto de Pixabay: https://www.pexels.com/pt-br/foto/fotografia-de-silhuetas-de-arvores-533935/
 

AUTORA LUCÉLIA SANTOS


Lucélia Santos, natural de Itabuna-Bahia, com residência em Brumado-Bahia. Escritora, poetisa, cronista, contista, antologista, escreve desde os 13 anos. É membro acadêmico correspondente da Academia Internacional de Literatura Brasileira, AIBL. "FOCUS BRASIL". Sempre buscou na escrita um jeito de expor seus pensamentos e sentimentos e mergulhar em sonhos e emoções, o romantismo toma conta das linhas dos seus cadernos. No colégio, sempre se destacou em literatura e redação. No intervalo das aulas, se a quisessem encontrar, teriam que ir até à biblioteca. Publica seus escritos no site Recanto das Letras, como Lucélia Love, e no Instagram como @poetisafalandodeamor, é colaboradora do blog da @ValletiBooks e tem trabalhos publicados em diversas coletâneas poéticas. E agora é autora do livro "O Amor vai te abraçar"

 

AMARGOS SENTIMENTOS


Sorriso largo que algo esconde

Olhando além posso ver

Um coração cansado de sofrer

Mas não sei como, nem onde...


Ofereço-lhe meu ombro amigo

Necessitas falar ou gritar

Irei com você a qualquer lugar

Eu sempre estarei contigo


Quero que chore e desabafe

Suas lágrimas vou enxugar

Sei que de muito irá lembrar

Mas, quero que se acalme


E ao dividir sua carga pesada

Sentirás um forte alívio

E o medo sempre sentido

No lugar irá sentir calma


Peço que respire fundo

E solte bem devagar

A vida lá fora está a te esperar

Mas será diferente seu mundo


Tu carregavas um peso terrível

Que dilacerava seu coração

Como quem sofre desilusão

Triste, intenso e aflitivo


Foi como gritar em alto mar

Jogar tudo ao vento

Esses amargos sentimentos

Agora tu consegues respirar...


 

AUTORA SIMONE GONÇALVES


Simone Gonçalves, poetisa/escritora. Colaboradora no Blog da @valletibooks e presidente da Revista Cronópolis, sendo uma das organizadoras da Copa de Poesias. Lançou seu primeiro livro nesse ano de 2022: POESIAS AO LUAR - Confissões para a lua.

 

ENTREGA


Tens um jeito que me encanta

Que transcende meus desejos

Meus instintos te revelam segredos

Que estavam escondidos na alma há tempos

Pois o amor já não ocupava espaço no meu  coração

E assim de repente com você

Sinto o quanto posso amar

O quanto tenho a viver dessa paixão

Que trazes com tanta leveza

Pelo teu olhar

No teu jeito de me fazer sonhar e acreditar

No quanto é possível ser feliz com alguém

Com você meu sorriso se faz despertar

À cada instante que te sinto se aproximar

Impossível não querer entregar-me aos teus carinhos

Não posso mais ficar sem teus beijos

E resistir em seguir à diante essa história...

Não posso mais


 

AUTORA MIGUELA RABELO


Miguela Rabelo escritora de crônicas, contos e poemas, com seu primeiro livro solo de poemas: "Estações". Também é mãe atípica e professora da Educação Especial no município de Uberlândia-mg.

 

PÔR DO SOL


O som que toca nossa alma

É justamente aquele que aquece

Nossos corações

Em perceber que felicidade

Pode ser algo tão mais singelo

Que dinheiro nenhum compre...

A alegria genuína

Em simplesmente,

Fazer uma criança sorrir.


Isso de fato,

Transborda a alma de satisfação

Em poder ser apenas

Mais um na multidão

Ao ver a luz de um sorriso

Se ascender...

vislumbrando o extraordinário

Diante dos seus olhos acontecer.


Sim...

A beleza pode ser simplesmente

O genuíno brilho de fagulhas de esperança

Que emana do olhar doce,

De luz intensa

Que palpita no coração

Com sorriso radiante

E ao mesmo tempo sereno

de um criança feliz

Que se assemelha ao esplendor

De um por do sol todos os dias

nos convidando a sorrir,

Mesmo diante a tantas tempestades

Que ainda estarão por vir...


 

AUTOR SIDNEI CAPELLA


Sidnei Capella, natural e residente em São Caetano do Sul — São Paulo, Graduado em Administração. Escrevendo e publicando poesias e contos nos cadernos semanais da Editora Valleti Books. Participou da II copa de poesias da revista Cronópolis, em janeiro de 2022. Escreve textos poéticos, contos e mensagens, grande parte dos seus textos são publicados na página do Instagram que administra. Utiliza a frase criada por ele: “Inspiração me leva a escrever sobre tudo, a inspiração vem de Deus, escrevo para o meu próximo, de modo a despertar sentimentos e mexer com suas emoções.”

 

CALOR


O Calor é intenso

O beijo molhado

Dois corpos colados

Juntinhos e suados


Não importa quanto dura

Amor vem do coração

Estão movidos pelos desejos

Nas loucuras da paixão


No momento do silêncio

Ecoa os sussurros

Inesperados são os toques

Com tamanha delicadeza

Flui… toda sutileza


O tempo vai passando

A entrega vem de ambos!

Terminaram a volúpia

Já estão se acariciando…


 

AUTORA WANDA ROP


Wanda Rop, paulista, residente em Porto Velho-RO, antologista, poetisa, escritora, Formação Curso Superior de Filosofia, graduanda do último semestre do Curso Superior História, Pós-Graduada em Estudos Linguísticos e Literários, Docência Do Ensino Sup/Neuropsicologia; Gestão Escolar e MBA Executivo em Negócios Imobiliários e Turismo. Acadêmica da A.I.S.L.A, A.L.S.P.A, FEBACLA, AILB, AIML e Membra Fundadora da ABHL, Autora do Livro “Paixões e Poemas de uma mulher intensa” e “TEMPO DE AMAR”.

 

EM BUSCA DO AMOR


Por amar você, percorri desertos escaldantes

Repousei, obstinada, em meio ao relento torturante

Trêmula, ousei pisar em gélidos polos

Ousadia em busca do seu doce colo


Amor protetor em bélicas tempestades

Força capaz de destruir a tensa saudade

Irrelevante dor do meu frágil corpo ferido

Em meu âmago um sentimento lindo

Inúmeras cicatrizes dissolvidas em minha derme

Ignoradas as serpentes que me rondavam

Destemida em ondas que atingiam meu barco

Impetuosamente, contemplei sua imagem no cais

Naveguei, sedenta por seus beijos intensos

No azul do seu olhar saciei desejos pretensos


 

AUTOR JOSÉ JUCA P SOUZA


José Juca P Souza, professor, ator, psicopedagogo, analista de sistema, ambos por formação acadêmica… Desde pequeno imbuído nas artes, com o desenho. Como profissional, agente administrativo no Ministério da Agricultura, técnico em edificações na Companhia Energética de Brasília. Assim segue, vendedor de tudo na infância (“triste realidade”), almoxarife, gerente lojista… Em seguida, veio o teatro, com poucas temporadas, lecionou artes na escola pública do DF, estando até hoje, trabalhando com informática, afastado de sala de aula… Embora escreva desde criança, com textos engavetados… Se reconhece poeta em um concurso para novos poetas, em 2019, classificado e publicado em uma determinada editora. Hoje providencia seu primeiro livro.

 

HOMEM INTEGRAL


Um ser esculpido e ornado na bio

Unindo corpos, coito secular

Assentado em manto flutuante érbio


De psique primavera há encantar

Em orvalhada fluida a ver saudade

Da paixão ao amor, sabores vê-se pautar


Por espiritualidade e verdade

Justiça, fraternidade são sonhos

Mundo novo com confiabilidade


Homem integral o ser tal golfinhos

Superior, íntegro, belo, ternal

Divergente de matizes mesquinhos


Daquele ser, ser homem integral

Deste ser, só ser homem integral


 

AUTORA STELLA_GASPAR


Natural de João Pessoa - Paraíba. Pedagoga. Professora adjunta da Universidade Federal da Paraíba do Curso de Licenciatura Plena em Pedagogia. Mestre em Educação. Doutora em Educação. Pós-doutorado em Educação. Escritora e poetisa. Autora do livro “Um amor em poesias como uma Flor de Lótus”. Autora de livros Técnicos e Didáticos na área das Ciências Humanas. Coautora de várias Antologias. Colunista do Blog da Editora Valleti Books. Colunista da Revista Internacional The Bard. Apaixonada pelas letras e livros encontrou na poesia uma forma de expressar sentimentos. A força do amor e as flores são suas grandes inspirações.
 

PARA NÃO DIZER QUE EU NÃO POETIZEI


Na tentativa de afastar as poeiras das maldades

Da Falta de humanidade

Que dia a dia

Escandalosamente fica mais visível

Aos olhos de nossos corações

Por isso, poetizo.


Tem gente chorando, mais que sorrindo.

Em cada chão do asfalto, em cada esquina.

Morrendo de fome de amor

Definhando, morrendo sem compaixão.

Sentindo as dores das rejeições.


Resta esperar, meu irmão.

Minha irmã

Que esse mundo seja recriado

Então seguiremos mais animados

Para onde?

Eu me deixarei levar

Por dias melhores.


 

AUTORA ROBERTA PEREIRA


Roberta M F Pereira nasceu em 1986 e cresceu na cidade de Brumado, interior da Bahia. É Historiadora, Tradutora, Intérprete de Libras, Professora e Poetisa. Desde bem jovem já demonstrava seu amor e dedicação a escrita, especialmente poesias. Tem suas poesias publicadas em diversas coletâneas e no site Recanto das Letras com o pseudônimo, Betina. É autora do livro “Verdades de um Coração Ferido”.

 

MEUS SENTIMENTOS


Hoje pensei em você e no seu lindo sorriso…

Parece que foi ontem que estava

recebendo um abraço teu...


Mas, na verdade, já se faz

anos desde que você dormiu

e não acordou mais…


Queria pode voltar no tempo

e fazer mais por ti,

Queria que o tempo congelasse

enquanto você ainda estava feliz


Queria eu poder acabar o sofrimento

que te alastrou por tanto tempo...

Mas a única coisa que posso

fazer agora é sentir sua falta.


 



35 visualizações2 comentários

Posts recentes

Ver tudo

2 Comments


Stella Gaspar
Stella Gaspar
Oct 15, 2022

Lindezas de poemas!

Desejo inspirações para todos(as) 😍

Like

É sempre tudo emocionante o que envolve nosso trabalho aqui no blog. Tudo que fazemos é com muito carinho e poder também acompanhar nossos amigos com seus lindos textos só faz bem ao coração. Formamos uma linda família pela valletibooks, muita gratidão!!!

Like
bottom of page